Sobre a Revista

Sobre a Revista

A RCMOS - Revista Científica Multidisciplinar o Saber, sob a égide da EBPCA - Editora Brasileira de Publicação Científica Aluz, destaca-se como um veículo de disseminação do conhecimento científico com uma abordagem inclusiva e internacional.

Aceitamos manuscritos em português, espanhol, inglês e francês, visando ampliar nosso alcance para autores de diversas origens e contextos culturais.

Respeitando normas internacionais de boas práticas editoriais, a revista recebe os seguintes tipos de manuscritos para revisão por pares e publicação:

  • Análises e resultados de investigações sobre um tema específico;
  • Artigos de discussão e análise do estado da arte da área e subáreas;
  • Artigos de opinião;
  • Artigos de pesquisa original;
  • Artigos de revisão;
  • Carta ao editor;
  • Dados experimentais;
  • Debates;
  • Relatos de casos clínicos;
  • Resenhas.

Envolvimento Ativo de Autores Africanos

A RCMOS - Revista Científica Multidisciplinar o Saber tem o compromisso de promover a participação ativa de autores africanos, especialmente dos PALOPs (Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa). Incentivamos ativamente a submissão de trabalhos de pesquisadores dessas regiões, visando promover a diversidade e a representatividade no cenário científico internacional.

Ao aceitar manuscritos em português, espanhol, inglês e francês, buscamos criar um ambiente inclusivo que valoriza as contribuições de pesquisadores de diferentes partes do mundo, especialmente da África lusófona. Esta iniciativa reflete nosso compromisso em ampliar as vozes e perspectivas na produção científica, enriquecendo o diálogo global sobre temas relevantes.

Encorajamos ativamente autores africanos a submeterem seus trabalhos, contribuindo para a construção de uma comunidade científica internacional mais diversificada e robusta. Acreditamos que essa troca de conhecimento enriquece a qualidade e a relevância das discussões presentes em nossa revista.

Processo de Avaliação por Pares

A revista segue um rigoroso processo de revisão por pares para manter altos padrões de publicação científica. Todos os manuscritos passam por uma avaliação criteriosa do Corpo Editorial para verificar sua adequação ao escopo e foco da revista. Os artigos são submetidos a uma revisão por pares duplamente cega, mantendo as identidades dos autores e revisores confidenciais durante o processo de avaliação.

Revisão por Pares Duplamente Cega

Para garantir a integridade da revisão por pares duplamente cega, todos os esforços são feitos para evitar a divulgação das identidades dos autores e revisores. Antes de encaminhar os manuscritos aos revisores, as informações que possam revelar a autoria são cuidadosamente removidas pelos editores.

Autoridade Editorial

O Corpo Editorial e o Conselho Científico têm plena autoridade para decidir sobre a adequação da publicação dos manuscritos. Em alguns casos, as submissões podem ser devolvidas aos autores com sugestões de revisão e para que sejam feitas adequações às normas editoriais da revista. Após receber a versão revisada, o trabalho será reavaliado pelos revisores.

O compromisso da revista com um rigoroso processo de revisão por pares e o cumprimento das diretrizes editoriais garantem a disseminação de contribuições científicas e acadêmicas de alta qualidade em diversas áreas do conhecimento. Por meio desse processo de avaliação transparente e confidencial, a revista busca incentivar a colaboração e o avanço do conhecimento em suas áreas de atuação.

Esta revista utiliza o sistema ZENODO e Crossref para manter os artigos em nuvem no ambiente fora do periódico, garantindo a publicidade mesmo em momentos de servidor offline. A revista também utiliza o sistema de arquivamento da Biblioteca Nacional, Lei nº 10.994, de 14/12/2004, para o envio imediato dos arquivos após a publicação do número vigente.

Além disso, a revista está vinculada aos sistemas de arquivo LOCKSS e CLOCKSS para garantir a preservação digital de seus conteúdos.