CADEIA PRODUTIVA: VISÃO EM REDE E OS FATORES DE DECISÃO E GESTÃO DA REDE

Autores

  • Juvenal Laurinda da Silva Chadreque Autor/in
  • Malaquias José Manhiça Autor/in

DOI:

https://doi.org/10.51473/rcmos.v1i1.2024.462

Palavras-chave:

Cadeia Produtiva; Decisão; Gestão de Rede.

Resumo

O mercado cada vez mais globalizado tem exigido das empresas uma maior flexibilidade e adoção de instrumentos inovadores na Gestão da Cadeia de Suprimentos, em especial na gestão dos relacionamentos entre os atores envolvidos. Os relacionamentos cliente-fornecedor vêm passando por profundas mudanças de padrão, em função das novas tendências impostas pelos mercados mundiais. A abrangência dos relacionamentos cliente-fornecedor está se ampliando, dando origem a outras teorias mais evoluídas, como redes de cooperação, nas quais participam também os fornecedores dos fornecedores e os clientes dos clientes. As empresas, por um lado, estão a implementar no seu processo de decisão planos de redução de mão de obra humana e substituído por máquinas, pois o custo de manutenção é barato. Por outro lado, as empresas não argumentam perante a pessoa humana, que tem o direito ao trabalho, à livre escolha do trabalho, a condições equitativas e satisfatórias de trabalho e à proteção contra o desemprego. A metodologia adotada para o desenvolvimento deste trabalho é a exploratória descritiva, que se baseia em trabalhos e documentos que existem sobre a matéria. Conclui-se que, existe uma necessidade de criar sinergias. No processo de tomada de decisão, as empresas devem olhar para todos os aspetos inerentes a cadeia de produtividades e gestão de rede. 

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Referências

REFERÊNCIAS

ARBIX, G.; ZILBOVICIUS, M. O Consórcio Modular da VW: um novo modelo de produção. São Paulo, Scritta, 1997.

AGRANOFF, R.; McGUIRE, M. “Big questions in public network management research”. In: Journal of Public Administration Research and Theory, n. 11, 2001.

BORZEL, T. (1998) “Organizing Babylon – On the different conceptions of policy networks”. In: Public Administration, v.76, Verão.

BROOKS, W. T. Vendendo para nichos de mercado. São Paulo: Atlas, 1993.

CHRISTOPHER, M. Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos: Estratégias para a Redução de Custos e Melhoria dos Serviços. São Paulo: Pioneira, 1997.

CONTADOR, J.C. Modelo para aumentar a competitividade Industrial. São Paulo: Edgard Blücher, 1996.

CORREA, H.L. VW Resende: mudanças no projeto original e uma breve avaliação. In: III SIMPOI - ANAIS, FGVSP, 2000.

COUTINHO, L. e FERRAZ, J.C. Estudo da Competitividade na Indústria Brasileira. Campinas: Ed. Unicamp e Papirus Editora, 1996.

CASTELLS, M. Internet y la sociedad red. Universitat Oberta de Catalunya, 2000.

DIAS, C. A. V. As fábricas do futuro na indústria automobilística brasileira: condomínios industriais e o consórcio modular. In: Revista de Relações Humanas da Escola Superior de Administração de Negócios – ESAN. São Paulo: n. 17, 1999.

FERRO, J. R. Paraná Automotivo – Em consolidação. Curitiba: Gráfica Capital, 2000.

FRANCISCHINI, P.G; GURGEL, F. do A. Administração de materiais e do patrimônio. São Paulo: Thomson Pioneira, 2002.

FUSCO, J. P. A. et al. Administração de Operações: da formulação estratégica ao controle operacional. São Paulo: Arte e Ciência, 2003.

Arquivos adicionais

Publicado

08.03.2024

Edição

Seção

Artigos Científicos de Pesquisa

Como Citar

CHADREQUE, Juvenal Laurinda da Silva; MANHIÇA, Malaquias José. CADEIA PRODUTIVA: VISÃO EM REDE E OS FATORES DE DECISÃO E GESTÃO DA REDE. RCMOS - Revista Científica Multidisciplinar O Saber, Brasil, v. 1, n. 1, 2024. DOI: 10.51473/rcmos.v1i1.2024.462. Disponível em: https://submissoesrevistacientificaosaber.com/index.php/rcmos/article/view/462.. Acesso em: 21 maio. 2024.

Artigos Semelhantes

1-10 de 407

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.