ATUAÇÃO DA ENFERMAGEM NA TRIAGEM E CLASSIFICAÇÃO DE RISCO EM SERVIÇOS DE EMERGÊNCIA NO BRASIL: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Autores

  • COSME EDUARDO FERREIRA MONTEIRO unip Autor/in
  • GLAUCIELY RODRIGUES BARROS BURDA UNIP Autor/in
  • LUCÉLIA DO NASCIMENTO LIMA SANTOS UNIP Autor/in
  • LUCELIA FERREIRA LOPES UNIP Autor/in
  • RHAÍZA VICTÓRIA FEITOZA PIRES CABRAL UNIP Autor/in

DOI:

https://doi.org/10.51473/rcmos.v1i1.2024.477

Palavras-chave:

Enfermagem em emergência, Triagem, Medição de risco

Resumo

Os enfermeiros são os profissionais de saúde que atuam na linha de frente da triagem e classificação de risco em setores de urgência e emergência. Infelizmente, em alguns casos, outras especialidades de outros setores hospitalares tentam ir contra as escolhas dos enfermeiros. Além disso, há alguns relatos de violência verbal e física contra esses profissionais. O enfermeiro é essencial para a triagem e classificação de risco no ambiente hospitalar, é ele que que tem o primeiro contato tanto com o paciente como o acompanhante, a visão humanizada desses profissionais faz toda a diferença em todo o processo do paciente, seja a da triagem ao atendimento e desfecho clínico.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Referências

ACOSTA et al. Atividades do enfermeiro nos sistemas de triagem/classificação de risco nos serviços de urgência: revisão integrativa. Revista Gaúcho de Enfermagem, 2012.

CARAPINHEIRO et al. Nurses and the Manchester: rearranging the work process and emergency care?. Revista Brasileira de Enfermagem, 2021.

CEBALLOS et al. Physical violence and verbal abuse against nurses working with risk stratification: characteristics, related factors, and consequences. Revista Brasileira de Enfermagem, 2020.

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO ESTADO DE SÃO PAULO. CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DE SÃO PAULO (CREMESP). Sondagem com Médicos e Profissionais de Enfermagem [Internet]. São Paulo: COREN. 2017 [22 de outubro de 2019]. Disponível em: https://www.ilo.org/wcmsp5/groups/public/---ed_norm/---relconf/documents/meetingdocument/wcms_711244.pdf

» https://www.ilo.org/wcmsp5/groups/public/---ed_norm/---relconf/documents/meetingdocument/wcms_711244.pdf

GONÇALVES et al. Embracement with risk classification in the emergency department from the perspective of older adults. Revista Gaúcho de Enfermagem, 2015.

MOURA, NOGUEIRA. Performance of the rapid triage conducted by nurses at the emergency entrance. Revista Latino Americana de Enfermagem, 2020.

SAMPAIO et al. Desafios no acolhimento com classificação de risco sob a ótica dos enfermeiros. Revista Cogitare Enfermagem, 2022.

SPECTOR PE, ZHOU ZE, CHE XX. Exposição de enfermeiros à violência física e não física, bullying e assédio sexual: uma revisão quantitativa. Int J Nurs Stud. 2014.

Arquivos adicionais

Publicado

05.04.2024

Edição

Seção

Artigos Científicos de Pesquisa

Como Citar

FERREIRA MONTEIRO, COSME EDUARDO; BARROS BURDA, GLAUCIELY RODRIGUES; LIMA SANTOS, LUCÉLIA DO NASCIMENTO; FERREIRA LOPES, LUCELIA; FEITOZA PIRES CABRAL, RHAÍZA VICTÓRIA. ATUAÇÃO DA ENFERMAGEM NA TRIAGEM E CLASSIFICAÇÃO DE RISCO EM SERVIÇOS DE EMERGÊNCIA NO BRASIL: UMA REVISÃO INTEGRATIVA. RCMOS - Revista Científica Multidisciplinar O Saber, Brasil, v. 1, n. 1, 2024. DOI: 10.51473/rcmos.v1i1.2024.477. Disponível em: https://submissoesrevistacientificaosaber.com/index.php/rcmos/article/view/477.. Acesso em: 21 maio. 2024.

Artigos Semelhantes

1-10 de 423

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.